Os principais métodos de avaliar empresas

Negócios | Por: Profª Liliana S. Omena em 20/08/2018   

OS PRINCIPAIS MÉTODOS DE AVALIAR EMPRESAS

Avaliar empresas é atribuir um valor financeiro a determinado negócio/entidade. É mister que o interesse pelo lucro é  característica comum a todos os investidores, é preciso precificar os ativos para dar suporte a tomada de decisão. Ao avaliar um negócio tem-se um visão geral da empresa em seus aspectos financeiro e contábil, das perspectivas de mercado, micro e macroeconômicas e que permite modelar cenários para melhorar a performance do negócio. Com isso, muitos empresários buscam avaliar seus negócios, ainda que não tenham o objetivo imediato de vende-los.

Para realizar o Valuation (avaliação de empresas) é necessário fazer uma análise financeira completa da empresa e de seu setor (micro e macro), analisar diferentes cenários e o risco do investimento e pode, além disso, evidenciar uma necessidade de capital que pode ajudar durante a tomada de decisões de um gestor.

Os cinco principais métodos de avaliação de empresas são divididos em 2 logicas :

Patrimoniais

1- Contábil
2- Liquidação

Econômicos

3- Mercado
4- Múltiplos
5- Fluxo de Caixa Descontado

Os métodos patrimoniais tem por base os registros contábeis da empresa, o realizado no exercício financeiro anterior e que esta apurado pela contabilidade.

  • No método contábil atribui-se o valor da empresa com base no valor do Patrimônio Liquido do balanço patrimonial.
     
  • O método de liquidaçãoconsidera a venda de todos ativos, soma-se o dinheiro disponível e desconta o total dos passivos ( todas as dívidas) para obter o valor da empresa.
     

Ambos os métodos patrimoniais são de calculo simples e pouco utilizados quando se pretender dar perpetuidade ao negócio.

Os métodos econômicos partem do principio da longevidade do negócio e atribuem o valor da empresa a partir da máxima que “O valor de uma empresa depende de seu desempenho futuro, do que ela seja capaz de produzir de valor (riqueza)” Damodaran (2002). Os métodos econômicos são:

  • Mercado: Com base no valor e números de ações no mercado .
  •  
  • Múltiplos: Estima-se o valor com base empresas similares já avaliadas, a partir de um fator de convergência para ajustes de tamanho e lucros, receitas ou EBITDAs (lucro líquido ajustado das despesas financeiras, dos impostos e da depreciação e amortização).
  •  
  • Fluxo de Caixa Descontado: A partir do estudo de mercado e as perspectivas para o negocio da empresa estima-se o valor dos fluxos de caixa livre, ou seja a capacidade da empresa gerar riqueza nos próximos anos e traz a valor presente aplicando uma taxa de desconto denominada WACC (Weigthed Average Cost of Capital) que é conhecida como taxa de atratividade.
  •  

O Modelo mais aceito pela comunidade empresarial e acadêmica é o fluxo de caixa descontado porque tem uma sólida conceituação teórica.  Parte da  premissa que “O valor de uma empresa depende de seu desempenho futuro, do que ela seja capaz de produzir de valor (riqueza).”  

É importante lembrar que o O Juízo Final De Valor É Sempre O Mercado e que todo o Modelo é A uma Simplificação Da Realidade.

Cada uma das metodologias tem seu proposito e podem ser complementares para se chegar a um valor com a margem de segurança satisfatória.